AS 10 NOTÍCIAS MAIS LIDAS

CLIQUE AQUI

OS 10 VÍDEOS MAIS VISTOS

CLIQUE AQUI
Imprimir

Magno Malta recebe público ecumênico e ilustres convidados no relançamento da Frente da Família

Publicado .

O  auditório Petrônio Portella,   no  Senado Federal, ficou  pequeno para receber   o público de mais de mil pessoas que prestigiou o relançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Família e Apoio à Vida, que contou com a participação de outros senadores, como Eduardo Amorim (PSC-SE), José Agripino (DEM-RN), Lídice da Mata (PSB-BA) e Walter Pinheiro (PT-BA), além de lideranças de todas as religiões, músicos e atletas.”Quero trabalhar para defender nossas crianças e jovens das ameaças que sofrem a cada dia neste mundo considerado moderno com tantos riscos para às famílias”, prometeu Magno Malta.

A ex-deputada federal e cantora Lauriete, abriu o evento com o hino nacional sob uma bandeira do Brasil e mensagens contra o aborto no País. Momento de forte emoção. O presidente da Frente da Família, senador Magno Malta defendeu também  o projeto do Estatuto da Família, que, segundo ele, significa manter valores, a seu ver violados com campanhas pelo reconhecimento do casamento homossexual e legalização do aborto e das drogas.

Imprimir

Magno Malta lança Frente da Família para ampliar os direitos das crianças e jovens

Publicado .

Será amanhã, quarta-feira, 20, no auditório Petrônio Portela, no Senado Federal, o lançamento oficial da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Família e Apoio à Vida, que é presidida pelo senador Magno Malta. “Vamos apresentar e dar apoio a todos os projetos de lei que visam ampliar a proteção às nossas crianças e jovens", afirma Magno Malta

O lançamento da Frente da Família contará com a presença de deputados e senadores compromissados com a defesa da vida e dos valores da família. Líderes evangélicos e cantores gospel, entre outros convidados de vários Estados. Magno Malta quer apoio para priorizar a defesa das crianças e dos adolescentes brasileiros que, de acordo com o senador, hoje estão vulneráveis, principalmente na internet, a pedófilos e exploradores.

Imprimir

Projeto que institui o novo Código Penal volta a ser discutido

Publicado .

O Plenário aprovou ontem (13) requerimento para que o projeto que institui o novo Código Penal seja reexaminado pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). O Projeto de Lei do Senado (PLS) 236/2012 já foi aprovado em comissão destinada a emitir parecer sobre a proposta, que tem como base anteprojeto elaborado por uma comissão de juristas, instalada em 2011.

Os senadores também aprovaram requerimento do senador Magno Malta (PR-ES) para que o PLS 150/2015, que tipifica criminalmente a discriminação ou preconceito de opção ou orientação sexual, passe a tramitar em conjunto com o projeto que institui o novo Código Penal. O projeto é de autoria do senador Otto Alencar (PSD-BA).

Imprimir

Magno Malta na nova CPI que vai investigar assassinatos de jovens

Publicado .

Senador Magno Malta é membro titular da mais nova  Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Senado, destinada a investigar o assassinato de jovens no Brasil. “É uma rica oportunidade de apurar a violência que envolve a juventude no grande contexto social”, explicou Magno

Magno Malta, que já tem um histórico de luta em favor das crianças e adolescentes, ”esclareceu que o objetivo é fazer um mapeamento da situação e propor iniciativas para reduzir as estatísticas alarmantes.’

"Assistimos calados um verdadeiro extermínio da juventude. Os homicídios são a principal causa de morte de jovens de 15 a 29 anos no Brasil, de acordo com o Mapa da Violência, da Secretaria Geral da Presidência da República. Das 56 mil pessoas assassinadas por ano no país, 53% são jovens, dos quais mais de 70% são negros. Em2012, o sistema Datasus, do Ministério da Saúde, registrou 56.337 vítimas de homicídio no país, sendo 30.072 jovens negros”, revelou Magno

Imprimir

Pedofilia: uma orientação sexual?

Publicado .

NOTA DO AUTOR: A APA não confirmou essa mudança no DSM. Ao que tudo indica, foi erro de interpretação do site. Mas seguimos atentos a essas novas tendências, pois claramente tem gente lutando para suavizar a doença que é a pedofilia.

Leio que a pedofilia foi reconhecida oficialmente pela American Psychiatric Association (APA) no último DSM como uma “orientação sexual” ou uma “preferência”, e não mais uma desordem. Mais uma bizarrice do mundo atual, pós-moderno, relativista moral, onde “vale tudo” e nada é “errado”.

Imprimir

Magno Malta explica para comunidade acadêmica as falhas do sistema de ressocialização de menores

Publicado .

 Em acalorado debate, nesta manhã de sábado, no Campus da Faesa, em Vitória, para plateia de estudantes de 31 cursos, com disciplinas de sociologia e filosofia, senador Magno Malta afirmou que não é dono da verdade e respeita todos pontos de vista, mas que não existe argumento contra a triste realidade que assusta a população, que anseia pela redução da maioridade penal. “vocês deveriam  ouvir o drama das ruas, devemos sair das salas e buscar a realidade nas lágrimas das mães que sentem a dor pelo sofrimento do filho no mundo das drogas, do crime e nas celas superlotadas”.
 
Senador Magno Malta, que usa a linguagem do conhecimento empírico e da vivência amadurecida no parlamento, há mais de 30 anos, combatendo às drogas, a pedofilia e todo mal que ameaça a estrutura familiar, debateu com a graduada em Serviço Social e Mestre em Educação, Ana Petronetto, diretora do IASES – Instituto de Atendimento Sócio Educativo do Espírito Santo, respondeu perguntas e declarou que ninguém tem a verdade, mas todos devem debater o tema, pois só a redução da maioridade penal não diminui o caos. “Nada é tão bom que não precisa ser revisto, é o caso do Estatuto da Criança e do Adolescente –ECA-“, alfinetou Magno para espanto dos jovens acadêmicos, que ovacionaram com clamor.